top of page
  • Foto do escritorMaqnelson John Deere

Valor Bruto da Produção Agropecuária de 2023 sobe para R$ 1,135 trilhão

Atualizado: 22 de ago.


O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) deste ano, com base nas informações de julho, é de R$ 1,135 trilhão, alta de 1,9% em relação ao ano de 2022. As lavouras cresceram 4% e a pecuária reduziu seu crescimento em 2,9%. O faturamento das lavouras é de R$ 801,9 bilhões e o da pecuária foi de R$ 333,6 bilhões.




Os produtos que apresentam melhor desempenho neste ano são:

Mandioca (42,9%) Laranja (27,2%) Banana (16,8%) Tomate (15,9%) Cacau (13,8%) Cana-de-açúcar (11,6%) Amendoim (10,6%) Feijão (10,4%) Arroz (9,3%) Uva (7,5%) Soja (2,5%) Milho (1,4%).

Esse grupo de produtos beneficia-se de preços favoráveis e, em vários casos, quantidades produzidas mais elevadas.

No levantamento da Conab, a projeção é de safra recorde de 320 milhões de toneladas previstas para a temporada 2022/2023 que sustenta essa posição. O resultado se deve ao aumento da produtividade de 11,8% e à expansão de área da ordem de 5% em relação ao ano passado. Esse crescimento de área de grãos passou de 74,6 milhões de hectares de área plantada, em 2022, para 78,2 milhões de hectares, em 2023.

Na pecuária, os aumentos do VBP ocorrem na carne suína, leite e ovos. O efeito de preços mais baixos tem repercutido no decréscimo do VBP de alguns produtos, como algodão, café, mamona e trigo.

Os cinco produtos classificados com o maior VBP são soja, milho, cana-de-açúcar, café e algodão, que respondem por 81,6% do VBP das lavouras.

Ao longo destes últimos 18 meses, observou-se que o VBP tem crescido a taxas relativamente menores. Pode-se atribuir esse decréscimo do crescimento real do VBP aos preços de milho e soja que têm apresentado tendência de redução (gráfico)

Preços de soja e milho – jan./2022 a julho/2023




Com informações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

12 visualizações0 comentário
bottom of page