• Maqnelson John Deere

Agricultura 4.0: novos tempos, novas técnicas, mais precisão e melhores resultados



Nossos clientes produtores de cana estão sempre atentos na redução de custos e no aumento da lucratividade da sua operação, por isso, vêm utilizando cada vez mais as tecnologias disponíveis nas máquinas John Deere para realizar a gestão da sua operação.


Alguns clientes que já contrataram o plano de suporte conectado da Maqnelson vêm notando a evolução no desempenho operacional das suas máquinas, com auxílio dos relatórios gerados pelo Centro de Soluções Conectadas (CSC) da Maqnelson. Este relatório contém informações de dados operacionais e agronômicos, disponíveis no JDLink e Operations Center, além de sugestões de otimização da máquina e da operação para aumentar o rendimento operacional com menor custo possível.


Veja a seguir alguns benefícios que os clientes estão tendo com adoção deste sistema e com apoio dos serviços do Centro de Soluções Conectadas:


  • Redução do consumo de combustível obtido à partir do controle adequado da rotação do motor e extrator primário conforme o uso da máquina nos diferentes perfis de canavial (baixa produtividade, alta produtividade). Por exemplo, reduzir a rotação do motor em colheita para próximo de 1800 RPM em lavouras leves, de baixa produtividade, vem proporcionando economia no consumo de combustível, que pode variar conforme a operação e condição de lavoura de cada cliente. Em alguns casos, esta economia chega a 17% de redução.


  • Veja o exemplo prático de uma CH570 em que a redução da rotação de colheita de 1894 RPM para 1847 RPM gerou uma economia de combustível de 1,8 L/h, esta ação pode resultar numa economia total de R$ 26 mil reais durante 8 meses de colheita. Abaixo, estão alguns indicadores operacionais fornecidos pelo JDLink e que estão disponíveis na palma da mão, através do aplicativo JDLink mobile.


  • Outro exemplo de redução do custo operacional é efetuar a redução do tempo o motor ocioso, que irá contribuir com redução do custo total operacional.


Colhedora de Cana com o Monitor de Colheita e Smart Clean (Cane Advisor)


O Harvest Monitor™ é uma tecnologia da John Deere, exclusiva no mercado. O Harvest Monitor™ coleta e analisa as informações essenciais de colheita, possibilitando que os produtores de cana de açúcar possam tomar decisões inteligentes de forma a reduzir os custos de colheita e melhorar as práticas de cultivo de modo geral. A partir da cabine, o operador pode monitorar o total de toneladas colhidas, a produtividade da colhedora, a porcentagem de resíduos e o consumo de combustível.


O SmartClean é a mais nova melhoria do Harvest Monitor que permite o controle automático da rotação do ventilador do extrator primário, com base nas preferências do operador, visando a obtenção do equilíbrio mais rentável entre limpeza da cana e redução de perda.


Através do Operations Center da John Deere, os dados podem ser processados para gerar mapas de rendimento e outros mapas importantes, além de relatórios que irão orientar os produtores na tomada de decisões corretas em relação ao solo e gerenciamento de água, aplicação de produtos químicos, renovação de cultura, modelo de campo, logística de equipamentos e muito mais.


O Harvest Monitor com SmartClean é uma opção disponível na Colhedora de Cana-de-Açúcar CH570 e CH670, ano-modelo 2021, como parte do pacote de tecnologia de otimização da máquina Cane Advisor™ (código 2904). Ele também pode ser adquirido como um kit de instalação em campo para todos os modelos da CH570 e CH670. Um kit de instalação em campo separado do SmartClean está disponível para modelos CH570 e CH670 já equipados com o Harvest Monitor.


Smart Clean, um jeito inteligente de limpar a cana. Com o uso de sensores, o sistema SmartClean detecta a perda de cana no extrator primário, e a exibe na tela do CommandCenter™ como um índice. Ele também detecta o nível de resíduos ou folhas de cana sendo removidas, e o exibe como um índice.



Resultado do consumo de combustível de CH570 com Monitor de colheita e Smart Clean.


Na operação desta colhedora de cana, destaca-se o uso do auto trac, auto field cruise, field cruise, além do trabalho de otimização e treinamento dos operadores para uso correto de todo o sistema.


Mapa de produtividade de cana gerado pelo monitor de colheita da CH50.


A seguir estão alguns dos principais indicadores da colhedora de cana CH570, fornecidos pelo JDLink e que pode acompanhar a qualquer hora no celular através do JDLink mobile. Note que esta tecnologia proporcionou um consumo médio de combustível de 30,8 L/h, em 1.756 horas de trabalho.



Venha saber mais! Entre em contato através: 0800 - 942 - 2961, e conte com o time do Centro de Soluções Conectadas (CSC) da Maqnelson.











108 visualizações0 comentário